Translate

terça-feira, 7 de outubro de 2014

AÉCIO LÁ E HELDER AQUI?

- Está "cheirando" Aécio lá e Helder aqui.
- O grande derrotado na eleição do Pará foi Mário Couto do PSDB. Sequer ficou em segundo lugar e deixa o senado dando lugar ao petista Paulo Rocha.

- Se Jefferson Lima concorresse à Câmara Federal, talvez conseguisse mais votos que o Delegado Eder Mauro.

- Para quem eu perguntava sobre o voto em Jatene ou Helder no primeiro turno, aqui em Belém, todo mundo respondia Jatene. Galera escondeu o jogo, pois o filho do Senador não conseguiria largar na frente somente obtendo muitos votos no interior do estado. A capital também votou bastante no candidato do PMDB.

- O PMDB se deu bem para Deputado Estadual no Pará. Foram oito vagas. Coligou com o PT que, neste ano, se deu mal, conseguindo somente três deputados eleitos. Edmilson do PSOL vai para Brasília e o partido fica sem Deputado Estadual, apesar de votação expressiva da combativa Marinor Brito.

- Para Federal o PMDB conquistou três vagas: Priante, Elcione e a novata Simone Morgado. o PT duas: Beto Faro e Zé Geraldo e o PSDB somente uma, o reeleito Nilson Pinto. O campeão de votos foi o delegado Eder Mauro e Wlad, que sempre bamburrava, agora ficou somente na sexta posição.

- O Círio está pertinho. Já comprou seu pato? seu tucupi e sua maniçoba? Mas o principal é a fé. E vamos que vamos com Maria.

- Muitas postagens em favor de Aécio entre meus amigos e minhas amigas. Interessante é que nenhum deles e nenhuma delas, fazem a mesma coisa em prol de Jatene. Aécio e Jatene são do mesmo PSDB, não é mesmo? Ou será que tem gente com Aécio lá e Helder aqui???? Como alguém já disse antes, "perguntar não ofende"....

- Depois tem mais.

terça-feira, 19 de agosto de 2014

RAPIDOLAS DO PROFESSOR JC

// No próximo dia 26 de agosto, no Espaço São José Liberto( Polo Joalheiro ), vai acontecer o lançamento do livro A Gastronomia do Pará - O Sabor do Brasil, de autoria do professor Álvaro Negrão do Espírito Santo e do jornalista Fernando Jares Martins. Ótima pedida!!!

// Acontecendo hoje e amanhã a 2ª EXPEDIÇÃO RECEPTIVO PARÁ ROTA BRAGANÇA. A iniciativa é da ABAV - PARÁ.  

// Pensei que Jatene sairia na frente. Mas não. Na pesquisa estimulada, Helder Barbalho está com 38% e o candidato do PSDB com 37%. Quem governará o Pará?

// Hulk de novo???? Saiu a primeira convocação após volta de Dunga ao comando da seleção brasileira. Nos pampas, Felipão, dirigindo o Grêmio, começou seus trabalhos levando peia. O ontem dele é maravilhoso, mas desde que treinou o Palmeiras, para mim, não passa de um técnico qualquer. E o Dunga tem se esforçado para não estourar. Aquele olhar raivoso não muda. Hulk outra vez???

// Paysandu respira na Série C. Remo apanha em casa para o Guarani de Sobral. Que vergonha!!!!

// Paulo Rocha e Duciomar Costa pontuando bem na caminhada em busca de uma vaga no senado. Mas os dois enfrentam problemas com a Justiça Eleitoral. O tucano Mário Couto tem ligeira vantagem sobre ambos. 

// O calor está demais em Belém!!!!

// O risotto de filhote com castanha do Pará do Capone Ristorante da Estação das Docas é bom demais. Prove!!!

// Olho alguns políticos e mais e mais os considero OS SUJO FALANDO DOS MAL LAVADOS.

// Começou o horário eleitoral e, com ele, muitas promessas e uma carrada de mentiras. Continuo afirmando: POUCOS ESCAPAM.

// São tantas as teorias de conspiração nesta terra chamada BRASIL. 

// De acordo com pesquisa DATAFOLHA, Marina vence Dilma em um segundo turno. Pelo facebook, vejo petistas discordando aos montes desses dados. Alguém, mais lá na frente, terá que admitir que o outro estava certo.

// Neymar e Bruna terminaram. E a conta da energia elétrica também vai aumentar, viu?

// As novenas da igreja do Perpétuo Socorro são muito boas e a casa de Deus está sempre lotada às terças.

// Amigos e amigas, ótima semana. Agradeço por acompanharem nosso Blog. Abraços!!!    


sábado, 19 de julho de 2014

PARTO HUMANIZADO NA INTERNET

Tenho notado o aumento no número de casais brasileiros que disponibilizam, no youtube, vídeos do parto humanizado.
Interessante.

https://www.youtube.com/watch?v=Re-z7TTm5co&feature=em-share_video_user

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Rapidolas do Professor JC

// Passou a Copa e Dilma não despencou como muitos esperavam. 

// Folgada no primeiro turno, corre riscos no segundo.

// No facebook, campo de enfrentamento entre partidários de Dilma e de Aécio, todo mundo parece que comeu abiu e não há repercussão sobre a pesquisa do Datafolha, a primeira após o término da Copa. Por que será?

 // Há eleitores bem fanáticos. 

// Nada de pesquisa para governador no Pará. A parada é mesmo entre Jatene do PSDB e Helder Barbalho do PMDB. Conheço uma "penca" de candidatos à Assembléia Legislativa e Câmara Federal. Para o Senado, no Pará, há uns "515" milhões de candidatos.

// Será a Copa do Mundo uma grande ilusão? Em 2014 menos brasileiros derramaram lágrimas por derrota  do grupo de jogadores milionários. 

//Seleção foi um fracasso sob o comando de um outro milionário. Milionário e, na atualidade, incompetente. A crítica é para o momento atual. Lá atrás, Felipão já obteve grandes vitórias.

// É muita gente viajando neste país. Antes entrar em avião era somente para ricos. Já hoje...

// Violência cada vez maior no Brasil. Assaltos, assaltos e mais assaltos. Inclusive no Pará. Inclusive em Belém. No último dia 16/07, Coronel da PM paraense, homem sério e baita profissional, sofreu assalto quando estava com sua esposa no bairro da Cidade Velha. Que bom que estão vivos. Os bandidos levaram dinheiro, celulares, uma arma e o carro do casal. 

// Açaí grosso continua na casa dos 22 reais em Belém. O médio está custando 15 reais e o popular a 10 reais. Isso na esquina da Roberto Camelier com a Pariquis. Esse é sem mistura.

// Remo, depois de tanto tempo sem divisão, voltará na Série D, enfrentando o Moto Clube do Maranhão. Galera azulina ansiosa pelo retorno. O time é praticamente o mesmo que conquistou o último parazão.

// Domingo à tarde, neste período de férias escolares, em várias ruas de Belém, o espaço está propício para assaltos. Com ruas desertas, pessoas do bem necessitam tomar todo o cuidado possível. 

// Na manhã desta sexta feira(18/07), não havia mais passagens de ônibus disponíveis para Moqueiro, para quem desejasse viajar na manhã deste dia. A "pauleira" vai ser até o último final de semana de férias.

// Hotel Farol, no Mosqueiro, é de nossa preferência, minha e da esposa Fátima. Só terá vaga para o final de semana 26 e 27/07. Casa cheia na bucólica que está lotadinha. 

// Novela Em Família terminando. Não deixará saudades.

GENTE BOA, AGRADEÇO PELA COMPANHIA.


terça-feira, 27 de maio de 2014

Tchau Newstime do Pátio...

A livraria Newstime do Shopping Pátio Belém vai mesmo fechar. Só estará em atividade até 15 de junho. Triste ver uma livraria desaparecer. Quem desejar levar um livro, ganha 30% de descontos. A loja da Estação das Docas vai continuar sob nova direção.
Comprei dois e comprarei outros antes deste 15 de junho.

domingo, 18 de maio de 2014

FACA E QUEIJO NA MÃO: o casamento entre governabilidade e legitimidade

Faca e queijo na mão é ter governabilidade e legitimidade. 
Embora situação de Dilma esteja perigosa, ela tem faca e queijo. 
Verdade que não estou entrando no mérito do agrado que o governo faz à base aliada e projetos sociais dirigidos aos mais necessitados, que tanto incomodam respeitada fatia do eleitorado brasileiro. 
Pouca gente faz uma análise séria e profunda da conjuntura brasileira. 
A doxa, então, tem sido a bola da vez, ou seja, há um predomínio da opinião pela opinião. 
Sem falar no interesse, de alguns formadores de opinião, de mostrar "verdades" de mentirinhas.

sábado, 3 de maio de 2014

Comida di Buteco 2014

Comida di Buteco 2014 em Belém. 
São 19 pontos neste ano na capital paraense. É só tomar os remedinhos(no meu caso), não exagerar muito e visitar.








Morre Dom Tomás Balduíno


A Igreja no Brasil se despede de dom Tomás Balduíno, falecido hoje, 03 de maio. Ele era bispo emérito da Cidade de Goiás (GO).



Dom Tomás atuou na defesa de pessoas perseguidas pela ditadura, durante o regime militar no Brasil. 


Em junho de 2013, esteve presente no Seminário Internacional Memória e Compromisso, promovido pela Comissão Brasileira Justiça e Paz, em Brasília, com o objetivo de lembrar o papel dos cristãos no processo de anistia política e de redemocratização do país durante o período de 1964 a 1988. 

Fonte: CNBB

O silêncio no período pré-eleitoral

Embora hoje, eu não tenha vinculação partidária, é verdade que gosto muito de "olhar" situações na perspectiva da análise de conjuntura. Daí meu interesse, por exemplo, nas eleições que se aproximam no território brasileiro e, de modo especial, no paraense.

Sei que para o governo do estado do Pará o PSOL vem com a candidata Araceli Lemos. Também tudo certo com Helder Barbalho pelo PMDB. Pelo PSDB, a princípio, o governador Simão Jatene busca a reeleição. Mas já ouvi comentários sobre uma possível desistência dele. Verdade ou conversa fiada? E se realmente ele não concorrer, os tucanos possuem um nome forte para essa dura batalha?

Se o duelo for mesmo entre Helder e Simão, a parada, entendo, será duríssima. Não vejo favoritismo de ninguém, pelo menos considerando tamanho silêncio quando faltam somente cinco meses para o eleitor paraense depositar seu voto na urna.

Aguardemos as pesquisas pois, quando dou uma xeretada, percebo empate e alguns votos que deverão ser nulos no segundo turno. PSOL e PSTU tendem a não colaborar com vitória de um ou de outro no turno de número dois.

O PT já está abraçadíssimo com o PMDB.

Já no ar a VIAJAR - Viagens e Turismo

Minha esposa, a Relações Públicas Fátima Leite, já está atuando no comando de sua empresa, a VIAJAR - Viagens e Turismo.

Após 28 anos e 30 dias na empresa Fontenele Turismo, Fátima se aposentou e abriu seu próprio negócio.

A VIAJAR funciona no sistema Home Office, ou seja, com seu escritório em nossa residência, pronta a bem atender os clientes através dos contatos exibidos no cartão de visita.

Portanto, amigos e amigas, contamos com vocês nesta nova caminhada da RP que, comprovadamente, é profissional séria e competente no ramo.

Fátima, muito sucesso e bênçãos de Deus.

sexta-feira, 21 de março de 2014

CEE autoriza Escola de Governo como Instituto de Formação Profissional e Superior

O Conselho Estadual de Educação do Pará emitiu no dia 12 de dezembro, em sessão solene no plenário do CEE, a autorização para que a Escola de Governo do Pará funcione como Instituto de Formação Profissional e Superior (ISEG/PA) com a aprovação inicial de três cursos a saber:  Gestão Pública, licenciatura em Língua Espanhola e curso técnico em Secretaria Escolar. A decisão foi definida no Parecer de nº 622/2013.
 
Para o diretor da Escola de Governo, Ruy Martini, a EGPA se estruturou para constituir, sob sua manutenção, um Instituto de Formação Profissional e Superior, com observância de todos os requisitos legais e normativos atinentes à oferta de educação básica e superior no Brasil. “É com muita honra e alegria que vivemos este momento. Demos um passo firme, forte, concreto para o desenvolvimento de nosso Estado”,  disse.
 
Para a presidente do CEE e relatora do parecer, profª Suely Menezes, “o ato simboliza o compromisso da EGPA em atender o que preconiza a Constituição- oferecer educação de qualidade- a todos, indistintamente”, defendeu.
 
Para realizar a oferta autônoma de escolaridade regular, por meio de cursos técnicos e de nível superior (graduação e de pós-graduação) em prol de servidores públicos, a EGPA protocolou no CEE processo de credenciamento e autorização para oferta de cursos de educação profissional e superior.
 
O processo que deu causa ao parecer favorável da comissão avaliadora atende ao que preconiza   a Legislação Nacional em vigor, já que a Lei  no 13.513/2011, com redação que lhe foi dada pela Lei no 12.816/2013, prevê expressamente que Instituições de Ensino podem manter tais modalidades de ensino. No mesmo sentido dispõe o Parecer CNE/CEB no. 3/2013.
 
Considerando que a Instituição deverá cumprir todos os requisitos disciplinados pelas Resoluções CEE/PA no 482 e 485 de 2009, atendendo, em relação a ambos os níveis educacionais, os padrões de qualidade estabelecidos pelas normas nacionais e estaduais em vigor, este Conselho admitiu, relativamente à forma e ao trâmite processual, a solicitação da Instituição interessada.
 
A comissão avaliadora em atenção ao pleito da Escola de Governo, concedeu o prazo de três anos  para que o Instituto implemente todas as medidas cabíveis relativamente à aprovação de seu Plano de Carreira Docente, efetivação dos competentes concursos públicos para admissão de professores e para a implantação das instâncias necessárias à promoção da gestão democrática prevista em Regimento. Assim como também expediu o credenciamento institucional para oferta de Educação Profissional de Nível Técnico e Superior, bem como as devidas autorizações para o funcionamento dos cursos Cursos de Tecnologia em Gestão Pública, Programa de Segunda Licenciatura em Língua Espanhola e Técnico em Secretaria Escolar, nos limites das vagas requeridas.
 
Compuseram a comissão de avaliação instituída pelas portarias 11/2011 e 364/2013 do  CEE/PA os seguintes membros:

SUELY MELO DE CASTRO MENEZES – Presidente do Conselho Estadual de Educação -
relatora;
ROSA MARIA FARES DOS SANTOS – Presidente da Câmara de Educação Básica;
MANOEL DELMO SILVA DE OLIVEIRA – Presidente da Câmara de Educação Superior;
ANA CLÁUDIA SERRUYA HAGE – Conselheira do Conselho Estadual de Educação;
ROBERTO FERRAZ BARRETO – Conselheiro do Conselho Estadual de Educação;
LUIZ ACÁCIO CENTENO CORDEIRO – Vice-Presidente do Conselho Estadual de Educação;
KÁTIA CILENE DE VILHENA GOUVÊA TÁRRIO – Secretária Geral;
MARIA BEATRIZ MANDELERT PADOVANI – Especialista em Direito Educacional.
 
Texto:Tereza Vasconcelos
Fotos:Allan Pantoja

Fonte: CEE/PA

sábado, 15 de fevereiro de 2014

Rapidolas do Professor JC

// Jornais de Belém tentam influenciar na decisão de quem governará o Pará em 2015. É só prestar bem atenção. 

// Mesmo sem grandes qualidades técnicas, REXPA é REXPA.

// Remo tem a nona camisa de clube mais bonita do mundo. É o que comentam na NET. Mas falta algo mais importante: uma divisão no futebol brasileiro. Pode ser que passe a ter. Mas por enquanto...

// Esses Black Blocs em nada ajudam a sociedade a ficar melhor. Só violência.
 

// É chuva demais. Perigo nas viagens, principalmente pelo ar e pelas águas. Embora morra muito mais gente nas estradas.


//Ando com vontade de comer tamuatá, peixe gostoso de nosso Pará.

// Os médicos não param de afirmar o quanto refrigerante faz mal. Mas é aí que o povo toma. 

// Jogador brasileiro foi maltratado no Peru, sendo chamado de macaco. Se não houver punição para clube cujos torcedores se comportaram desta maneira, nada vai mudar no que diz respeito ao fim do preconceito.

// Hotel Farol, no Mosqueiro, deve lotar neste carnaval. 

Foto: Entrada do Hotel Farol em Mosqueiro/PA. No carnaval deverá lotar.

// Mensagem da CGU - Controladoria Geral da União. Não interessa o tamanho da desonestidade.

Foto: Fique Ligado! A mudança por um Brasil mais ético deve começar em cada um de nós.

Maus hábitos cotidianos, como 'furar fila', 'bater o ponto pelo colega', 'falsificar carteirinha de estudante', merecem ser encarados como práticas antiéticas (em alguns casos, até ilegais) e devem sim ser combatidos.
 
Diga não às 'corrupções' do dia a dia e faça a sua parte na luta #contracorrupção.

Confira todas as peças da campanha em http://goo.gl/oloJif

// Na foto, frente da cidade Breves, na Ilha do Marajó. 
Foto: Breves/PA. Momento do tchau. 12 horas depois, já em Belém.

// Fiz essa imagem na estrada, entre Capitão Poço e Irituia. A nuvem  parece um rosto, né? E o sol se escondendo lá atrás. Gosto de fazer imagens e mais imagens em minhas viagens pelo interior paraense.
Foto: A nuvem negra, parece um rosto, né? E o sol meio que escondido lá atrás. Mais uma que capturei em Imagens pelo Pará.

// Cada dia caprichando mais na cozinha. Aqui, uma caldeirada de pescada amarela. Cozinhar é uma terapia. Pelo menos no meu caso.

Foto: Vamos almoçar?
Feito com todo o amor pelo maridão. Hum... Caldeirada de pescada amarela.

Turma amiga, um grande abraço e grato pela companhia.

Para uma definição do terrorismo

Leonardo Boff
As manifestações massivas de junho/julho de 2013, em grande parte pacíficas e as outras havidas neste ano de 2014 que mostraram a atuação violenta dos black blocs que, mascarados, quebram agências de bancos, vitrines de lojas e depredam edifícios públicos, atacam violentamente policiais, culminando com a morte do cinegrafista Santiago Andrade, suscitaram o tema do terrorismo.
 
       É importante que se entenda que o terrorismo não é um fenômeno da guerra, mas da política. O terrorismo irrompe no seio de grupos insatisfeitos com os rumos da política do país ou da economia e que já não acreditam nas instituições, nem no diálogo e muito menos em mudanças sociais significativas. Pode até ocorrer que se opõem de tal maneira ao sistema mundial e nacional vigente, o capitalismo neoliberal, que investem contra seus símbolos, danificando-os. Ilusoriamente pensam que destruindo-os atingem o coração do sistema. Esse não se muda pela violência puntual mas por um processo histórico-político, por mais prolongado que seja. Tais grupos vem carregados de ressentimento, de amargura e de raiva. Dão vasão  a este estado de ânimo através de ações destrutivas.

Paradigmático foi o atentado terrorista de 11 de setembro de 2001 contra os Estados Unidos. Num lapso de uma hora, os símbolos maiores da ordem capitalista no nível econômico as duas Torres Gêmeas em Nova Iorque, no nível militar o Pentágono e no nivel político a Casa Branca (o avião destinado a ela foi derrubado antes) foram diretamente golpeados.
 
A partir de então se instalou o medo em todo o país. E o medo produz fantasmas que desestabilizam as pessoas e a ordem vigente. Assim, por exemplo, um  árabe, em Nova York, pede uma informação a um policial e este o prende, imaginando ser um terrorista. Depois se verifica ser um simples cidadão inocente. Com frequência o Governo norte-americano, especialmente, sob o Presidente Bush, assustava a nação inteira, anunciando a iminência de atentados. Embora não tenham acontecido até agora, acabam alimentando a paranóia generalizada.             

Esta fenomenologia mostra a singularidade do terrorismo: a ocupação das mentes. Nas guerras e nas guerrilhas como na Colômbia precisa-se ocupar o espaço físico para efetivamente se impôr. Assim foi no Afeganistão e no Iraque.  No terror não. Basta ocupar as mentes e ativar o imaginário através da ameaça de novos atentados e do medo que então se internaliza nas pessoas e nas instituições.

 Os norte-americanos ocuparam fisicamente o Afeganistão dos talibãs e o Iraque de Saddan Hussein. Mas a Alqaeda que perpetrou os atentados, ocupou psicologicamente as mentes dos norte-americanos. Fizeram dos EUA uma nação refém do medo, do Governo ao simples cidadão.

A profecia do autor intelectual dos atentados de 11 de setembro, o então ainda vivo Osama Bin Laden, feita no dia  8 de outubro de 2001, infelizmente, se realizou: “Os EUA nunca mais terão segurança, nunca mais terão paz”. Ocupar as mentes das pessoas, mantê-las desestabilizadas emocionalmente, obrigá-las a desconfiar de qualquer gestou ou de pessoas estranhas, eis o que o terrorismo almeja e nisso reside sua essência.

       Para alcançar seu objetivo de dominação das mentes, o terrorismo segue a seguinte estratégia:

       (1) os atos têm de ser  espetaculares, caso contrário, não causam comoção generalizada;

(2) os atos, apesar de odiados, devem provocar admiração pela sagacidade empregada;

(3) os atos devem sugerir que foram minuciosamente preparados;

(4) os atos devem ser imprevistos para darem a impressão de serem incontroláveis;

(5) os atos devem ficar no anonimato dos autores (usar máscaras) porque quanto mais suspeitos, maior o medo;

(6) os atos devem provocar permanente medo;

(7) os atos devem distorcer a percepção da realidade: qualquer coisa diferente pode configurar o terror. Basta ver alguém das comunidades pobres da periferia, ou os rolezinhos entrando nos shoppings e já se projeta a imagem de um assaltante potencial.

       Formalizemos uma compreensão suscinta do terrorismo: é toda  violência espetacular, praticada com o propósito de ocupar as mentes com  medo e pavor.

O importante não é a violência em si,  mas seu caráter espetacular, capaz de dominar as mentes de todos.

       Um dos efeitos mais lamentáveis do terrorismo foi ter suscitado o Estado terrorista como os EUA. Criou-se uma legislação que fere os direitos humanos, impõe vigilância sobre toda a população, criou o organismo de segurança nacional com altas verbas para sua implantação em todo o pais, projetou a “guerra infinita” contra o terrorismo em qualquer parte do mundo com a ameaça de utilização de qualquer tipo de arma, não excluídas as armas nucleares. E organizou uma rede de espionagem eletrônica global que tudo e a todos controla.

       Está em debate no Ministério da Justiça, nos órgãos de segurança do Estado e no Parlamento uma legislação visando tipificar os atos destrutivos dos black bocs de terrorismo. Sem dúvida, os atos obedecem à lógica terrorista mas não significa ainda um terrorismo articulado e organizado. Há o risco, já advertido pelo Ministro da Justiça Eduardo Cardoso, de não instaurarmos o medo na sociedade que acaba inibindo as manifestações populares, legítimas no regime democrático. O próprio povo com medo acaba se retraindo e terá dificuldade em apoiar estas manifestações legítimas.

Mais importante em saber quem cometeu e comete atos de terrorismo é saber o porquê se recorre a ele. Ai a importância do acompanhamento dos órgãos de informação, do diálogo aberto com todos os estratos da sociedade, especialmente, com aqueles mais penalizados pelo tipo de sociedade que temos, altamente desigual e discriminatória. Difundir mais e mais a educação e infundir confiança, amor às pessoas e cuidado de uns para com os outros como o disse, exemplarmente, a esposa do cinegrafista Sebastião Andrade  e o enfatizou recentemente a ministra Maria do Rosário da Secretaria Nacional de Direitos Humanos num encontro na OAB do Rio a propósito da Comissão da Verdade.

São caminhos de outro tipo de estratégia política, certamente mais eficazes que a pura e simples repressão policial que ataca os efeitos mas não atinge o coração do problema deste terrorismo ainda inicial.
 Fonte: http://leonardoboff.wordpress.com/2014/02/14/para-uma-definicao-do-terrorismo/

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014